LAN e TAM concluemuniãoe dão origem ao LATAM Airlines Group

  • No fechamento da troca de ações, 99,9% dos acionistas da TAM que participaram do processo concordaram com o cancelamentodo registro de companhia aberta da TAM no Brasil, de acordo com as condições estipuladas. Essas ações, somadas às dos acionistas controladores da TAM, representam 95,9% do total de papéis da companhia.

 

  • As companhias aéreas doLATAM Airlines Groupoferecerão a seus passageiros mais voos, para mais destinos, que qualquer outro grupo de aviação da América do Sul, chegando a aproximadamente 150 destinos, em 22 países e transportando cargas para 169 destinos em 27 países.
  • O LATAM Airlines Group formará a melhor malha aérea da América do Sul e, paulatinamente, beneficiará aos passageiros da LAN e da TAM com uma maior conectividade, melhores itinerários e frequências, e com a diminuição no tempo de conexão.

 

  • LAN e TAM continuam operando com suas marcas atuais, com a mesma excelência no serviço e qualidade que as caracterizam. O cliente continua voando com LAN ou TAM como faz até hoje.
  • As duas empresas reafirmam sua liderança na região e, com a união, fortalecem seu potencial competitivo globalmente, em uma indústria marcada pela tendência de os operadores unirem forças por meio da consolidação de suas empresas e operações.

 


São Paulo (Brasil), 22 de junho de 2012 –A LAN Airlines S.A. (que agora passa a chamar-se LATAM Airlines Group S.A.) e a TAM S.A. concluíram hoje seu processo de consolidação, dando origem ao LATAM Airlines Group S.A. A nova holding oferecerá a seus passageiros mais voos, para mais destinos, que qualquer outro grupo de aviação da América do Sulchegando a aproximadamente 150 destinos, em 22 países e transportando cargas para 169 destinosem 27 países.

Como anunciado anteriormente, a transação aconteceu mediante a oferta da LAN aos acionistas da TAM de trocar suas ações da TAM por papéis da LAN, na razão de 0,9 ação da LAN por uma da TAM. As ações da LAN serão entregues na forma de BDRs(BrazilianDepositaryReceipts) no Brasil e ADRs (American DepositaryReceipts) nos Estados Unidos. Aoferta de ações, que se materializou com o leilãoem 22 de junho, estava sujeita à condição de que o número de ações minoritárias qualificadas em concordância com o cancelamento da TAM como uma empresa pública no Brasilrepresentassemais de 2/3 (dois terços) do total, excluindo aquelas de propriedade da TAM, dos acionistas controladores da empresa ede qualquer de pessoasa eles relacionadas.Esta condição defechamentofoi satisfeita quando, do total de ações qualificadas,99,9%ações concordaram com o cancelamento do registro de companhia aberta da TAM, Juntas, as ações que aderiram à oferta pública e asdetidas pelos acionistas controladores da TAM representam 95,9% do total deações em circulação da TAM.