LAN e TAM anunciam nova estimativa de sinergias para o grupo LATAM

LAN Airlines S.A. ("LAN") e TAM S.A. ("TAM") anunciaram hoje uma revisão das sinergias estimadas a partir da fusão entre as duas linhas aéreas, que criará o Grupo LATAM (LATAM Airlines Group S.A). LAN e TAM estimam que as sinergias combinadas resultantes da fusão aumentariam no tempo os ingressos operacionais da nova companhia LATAM Airlines Group em um montante entre US$ 600 milhões e US$ 700 milhões, antes da depreciação e impostos, a partir do quarto ano logo de aperfeiçoada a associação. Isto representa um aumento entre 50% e 75% com respeito ao estimado de sinergias de US$ 400 milhões anuais anunciado inicialmente, em agosto de 2010. 


O novo valor estimado, que se baseia nas avaliações realizadas durante as últimas dez semanas em conjunto com os consultores McKinsey & Company e Bain & Company, reflete uma revisão e atualização  das economias de custos combinados e das oportunidades de geração de ingressos derivadas da associação entre LAN e TAM, e inclui benefícios da transferência de melhores práticas identificadas em certas áreas. Do total deste novo montante estimado de sinergias antes de impostos, entre US$170 milhões e US$200 milhões seriam obtidos durante o primeiro ano logo de completada a operação.
Aproximadamente 40% do total de sinergias potenciais seriam geradas por incremento de ingressos no negócio de transporte de passageiros, 20% por incremento de ingressos no negócio de transporte de carga e o restante 40% de sinergias potenciais seriam derivadas de economias de custos. 


A partir do quarto ano logo de aperfeiçoada a associação, o detalhamento das estimativas anuais de sinergias antes de impostos é o seguinte:
•   Entre US$225 milhões e US$260 milhões são esperados por incremento de ingressos derivado da combinação da rede de destinos e novos voos de LAN e TAM;
•   Entre US$120 milhões e US$125 milhões são esperados por incremento de ingressos atribuíveis a novos serviços e intercambio de melhores práticas no negócio de carga;
•   Entre US$15 milhões e US$25 milhões são esperados pela consolidação e intercâmbio de melhores práticas nos programas de passageiro frequente de ambas companhias.
•   Entre US$100 milhões e US$135 milhões são esperados por economia de custos relacionados à coordenação em aeroportos e aquisições, o que permitiria ao Grupo LATAM aproveitar as economias de alcance e escala;/li>
•   Entre US$20 milhões e US$25 milhões são esperados por economia de custos derivados da coordenação e maior eficiência nas operações de manutenção, o que permitiria ao Grupo LATAM aproveitar as economias de escala;
•   Entre US$120 milhões e US$130 milhões são esperados por economia de custos derivados da convergência dos sistemas de informação de LAN e TAM, maiores eficiências em processos de distribuição e vendas combinados, e maiores eficiências em gastos gerais corporativos. 


Os ingressos e economias em custos que são esperados através das sinergias e o intercâmbio de melhores práticas descritas acima não incluem custos de implementação. LAN e TAM esperam que os custos, uma vez realizada a fusão, incorridos durante 2012, incluídos os honorários por assessorias bancárias, de consultoria e legais, além dos investimentos necessários durante o período para capturar as sinergias antes mencionadas alcançarão entre US$170 milhões e US$200 milhões. Finalmente, LAN e TAM esperam reduzir investimentos em aproximadamente US$150 milhões devido a menores aquisições de motores e outros componentes requeridos durante o período de captura das sinergias.
A seguir será apresentado um quadro com o detalhamento das sinergias anuais estimadas antes de impostos.